Saúde da equipe
January 2022

O que o RH pode fazer remotamente pela saúde da equipe?

Antes do COVID-19 fazer suas primeiras vítimas no mundo, a preocupação da maioria das empresas com a saúde dos funcionários se resumia ao plano de saúde, a concessão de um mês de férias e um plano de aposentadoria.

Não se pode negar a importância desses benefícios e o quão necessário eles são para atrair e reter talentos, mas o papel das empresas deve ser muito maior. E, durante a pandemia, movimentos nesta direção se tornaram ainda mais necessários.

Um levantamento divulgado em 2020 pela MetLife mostrou que 41% dos colaboradores sentem que o empregador não está oferecendo benefícios ou programas que os ajudem a apoiar ou melhorar seu bem-estar durante este período. Ao mesmo tempo em que 77% desses colaboradores também dizem que existem alguns benefícios ou programas que, se oferecidos pelos empregadores, diminuiriam seu estresse e melhorariam a sua saúde.

Por que as empresas devem se preocupar com isso?

Aumento do peso, da pressão arterial e dos níveis de açúcar no sangue, surgimento de dores crônicas nas costas e maior perigo de distúrbios cardiovasculares são alguns dos problemas mais comuns encontrados nos colaboradores que precisam se adaptar ao mercado de trabalho em tempos de home office. Adicione o tempo diante das telas, que está arruinando nossa visão e o nosso sono e os efeitos da saúde mental que o isolamento estão causando e você já pode imaginar os impactos negativos que a qualidade de vida ruim dos colaboradores pode causar nos resultados da sua empresa.

Mas o que você, como profissional de RH, pode fazer neste momento de pandemia e distanciamento social para melhorar as condições de vida e trabalho?

Nós preparamos cinco dicas para te ajudar a elaborar uma estratégia neste momento:

1. Horários flexíveis

Em casa fica difícil separar a vida pessoal da vida profissional até nos turnos que tradicionalmente seriam dedicados exclusivamente ao trabalho. Por isso, de acordo com uma pesquisa da FlexJobs, 85% dos millennials buscam trabalhos flexíveis, para que consigam ter um equilíbrio melhor entre vida pessoal e profissional.

Disponibilizar horários flexíveis, dias sabáticos e liberdade para que os colaboradores possam ir e vir e executarem seu trabalho no momento que se sentirem mais confortáveis pode fazer uma diferença notável na saúde mental e no desempenho deles. Além de proporcionar um ambiente mais agradável, atrativo, produtivo e com menor possibilidade de turnover.

2. Realize acompanhamento contínuo (principalmente dos doentes crônicos)

Pessoas que acompanham sua saúde regularmente são menos propensas a desenvolverem doenças ou de agravarem casos de doenças crônicas já existentes. Desta forma, investir em prevenção e cuidado é muito mais eficaz do que esperar o problema chegar em um estado preocupante para começar a agir.

Realizar um acompanhamento contínuo dos trabalhadores para tentar evitar que uma dor nas costas, por exemplo, evolua para um problema que precise de procedimento cirúrgico, será positivo para o profissional e para a empresa.

Por isso, antes que a produtividade do seu time seja atingida ou, pior, que a empresa receba um processo trabalhista, explore os canais da própria empresa ou contrate alguém que possa te ajudar com isso.

3. Orientação nutricional e incentivo da prática de atividades físicas

O ganho de peso é um efeito colateral marcante e significativo neste momento pandêmico. Em casa, muitas pessoas estão sedentárias, se alimentando mal e dormindo pouco. Essa rotina pouco saudável pode provocar danos graves à saúde no médio e longo prazo.

É positivo e recomendável que nestes momentos a empresa invista na promoção de hábitos saudáveis e ofereça benefícios de saúde, além do plano de saúde.

4. Promova momentos de descontração

Eventos como happy hours e outros momentos de relaxamento, comuns na rotina do escritório, agora já não fazem parte do dia a dia do colaborador. Essa falta de interação com pessoas fora do âmbito familiar prejudicam o relacionamento entre membros da equipe e até o seu desempenho.

Promover momentos de descontração e integração é fundamental para a saúde mental de todos, inclusive dos profissionais de RH.

Fontes

Metlife - Employee benefit trends

HBR - 5 things to know about wellbeing and COVID

Gupy - Ações remotas de employee experience

Continue lendo